Buscar
  • Kadimah

Universidade condena estudante por postar foto de meninas com suásticas

Universidade Penn State critica imagem 'profundamente perturbadora e doentia', enquanto petição pedindo expulsão de estudantes ganha 134.000 assinaturas

Por MARCY OSTER




Uma foto de jovens sorridentes com suásticas desenhadas sobre os ombros foi condenada pela Penn State University, onde a mulher que a postou é supostamente uma estudante e tem uma petição pedindo sua expulsão.

O estudante, identificado em relatórios como Ryann Milligan, postou uma foto no Twitter na semana passada, na qual duas mulheres são vistas com suásticas pretas nos ombros. A conta da qual o tweet supostamente veio foi restringida desde então.


Em um tweet, a universidade chamou o post de "profundamente perturbador e doentio" e disse que entraria em contato com a pessoa envolvida.

Enquanto isso, uma petição no site Change.org pedindo a expulsão do estudante da universidade tinha mais de 134.000 assinaturas até o domingo.


Esta foto é aterrorizante e extremamente ameaçadora, e não deve ser tomada de ânimo leve", diz a petição.

“Ryann Milligan nem merece defender os valores da Penn State.

Permitir que ela permaneça uma estudante da Penn State é um desserviço para todo o povo judeu, vivo ou morto.

Envia a mensagem de que ações e ideais antissemitas são aceitos pela universidade e que a Penn State não se preocupa em proteger seus estudantes judeus, assim como outras minorias oprimidas e sub-representadas. ”


A universidade twittou na segunda-feira que o “post antissemita relatado é profundamente perturbador e doentio.

A Univiversidade está entrando em contato com o indivíduo supostamente envolvido.

A comunidade da Penn State pode visitar http://equity.psu.edu para obter uma ampla gama de recursos.

Continuaremos a falar contra o ódio e a intolerância. ”

167 visualizações0 comentário
banner-2021.png

Seja um Patrono Kadimah

Apoie a Revista Kadimah e fortaleça mais ainda a publicação