Buscar
  • Kadimah

Sinagoga de Los Angeles vandalizada na onda da violência pela cidade

Grupos judeus expressam preocupação com o efeito de repercussão que pode levar à violência contra judeus, à medida que os protestos continuam por toda a América pela morte de George Floyd .

Por  Dan Lavie

O caos em curso nas cidades americanas pela morte de Floyd George nos últimos dias coincidiu com pelo menos um incidente antissemita.


Em Los Angeles, que tem sido uma das cidades com protestos contra a brutalidade política, o grafite foi pintado com as palavras "Palestina Livre" e "F... Israel".


"A congregação da sinagoga Beth El, na Beverly Blvd em Los Angeles, foi vandalizada ... Diga-me que esse ódio feio ainda é sobre #BLM ou #GeorgeFloyd ?!" twittou Lisa Daftari, fundadora e editora do The Foreign Desk


Não está claro se os manifestantes que fizeram parte dos confrontos com a polícia também foram responsáveis ​​por esse incidente, mas os grupos judeus notaram que a erupção de tensões étnicas e raciais também poderia energizar grupos antissemitas, que geralmente estão associados às margens radicais. .


"O vandalismo nunca é bom", twittou a Liga Anti-Difamação de Los Angeles em reação pouco depois.

"O antissemitismo nunca é bom.

A resposta ao ódio e ao fanatismo não é mais ódio.

Somos melhores que isso em Los Angeles."

O diretor regional do Comitê Judaico Americano de Los Angeles, Richard S. Hirschhaut, disse em comunicado ao Jewish Journal:

"É deplorável que hoje alguns manifestantes em Los Angeles tenham recorrido à violência e ao vandalismo.

Infelizmente, seu oportunismo destrutivo incluiu a desfiguração da Congregação Beth Israel, uma das sinagogas mais antigas de Los Angeles e o lar espiritual de muitos sobreviventes do Holocausto ao longo dos anos.

Os epítetos rabiscados na parede da sinagoga não fazem nada para promover a causa da paz ou da justiça, aqui ou no exterior ".


Liora Rez, diretora do Stop AntiSemitism, também foi citada pelo Journal.

"Mais uma vez, vemos o vil antissemitismo sendo disfarçado de ativismo.

Vandalizar uma sinagoga durante esse período horrível não faz nada além de dividir ainda mais um país destruído", disse ela.

O Simon Wiesenthal Center twittou:

"Os antissemitas usam protesto em Los Angeles pela morte de George Floyd para atacar a sinagoga e denegrir o estado judeu.

Antissemitismo puro e simples!"

Fonte IsraelHayom

71 visualizações0 comentário
banner-2021.png

Seja um Patrono Kadimah

Apoie a Revista Kadimah e fortaleça mais ainda a publicação