Buscar
  • Kadimah

Presos em casa, vizinhos de Jerusalém se juntam na varanda e cantam

Era um canto espontâneo das varandas de um quarteirão de Jerusalém na noite de domingo, quando o músico Ran Yehoshua liderou seus vizinhos em uma rodada de "Bashana Haba'a" (no próximo ano), a clássica canção israelense da esperança em meio à crise.

Bashana haba'a, neshev al hamirpeset venispor tziporim - No próximo ano, sentaremos na varanda e contaremos todas as aves migratórias !


Yehoshua estava com o violão na mão e o amplificador conectado e levou os vizinhos para as varandas, no beco sem saída, no bairro de San Simon.

Sua rua, Ben Tabai, é cercada por prédios de apartamentos, e muitos dos apartamentos da década de 1970 possuem varandas com vista para a rua interior.

"Somos realmente uma vila neste quarteirão", disse Yehoshua, que mora no 8 Ben Tabai.

Existem 120 vizinhos no grupo WhatsApp do bairro, com muitas famílias jovens, compartilhando informações sobre babás e pediatras, "todas as coisas de sempre", disse Yehoshua.

A idéia de sediar um concerto na varanda quando na semana passada, as atividades da instituição que ele administra sem fins lucrativos - Latet Pe , ajudando crianças que sofreram abuso sexual - estavam sendo canceladas nas escolas.

A organização faz grande parte de seu trabalho através do teatro e da música, ajudando as crianças a se

curar e ganhar força. Yehoshua e sua equipe se sentiram sobrecarregados pelo ataque de más notícias e discutiram formas de superar a situação criada pelo coronavírus.

"Cantar sempre nos ajuda a nos sentir melhor, é um caminho para a oração", disse Yehoshua.

5 visualizações0 comentário
banner-2021.png

Seja um Patrono Kadimah

Apoie a Revista Kadimah e fortaleça mais ainda a publicação