Buscar
  • Kadimah

Lançamento do livro 'Cada Falso' do autor Roberto Elisabetsky

Um romance histórico cuja trama mistura realidade e ficção, tendo como pano de fundo a década de 1930 no Rio de Janeiro e a saga de judias ortodoxas que saem da Polônia no pós Primeira Guerra para reconstruir suas vidas no Brasil



Ambientado nos anos 1930, Cadafalso acompanha o percurso de duas judias ortodoxas, Malka e Eva, que partem da Polônia para o Brasil em busca de uma nova vida e se deparam com um período turbulento de repressão policial e perseguição política praticados pelo governo de Getúlio Vargas. A estrutura do romance – o primeiro do roteirista e escritor Roberto Elisabetsky – mescla figuras e eventos reais da história a personagens ficcionais.


Roteirista e autor do livro de contos "A última coisa" (Terceiro Nome, 2015), Elisabetsky começou a escrever o romance determinado a ambientar o enredo em um momento histórico de mudanças políticas ostensivas por todo o mundo. “As personagens centrais são mulheres que são vítimas de diversas forças de opressão, dentro e fora da comunidade a que pertencem. Malka, por exemplo, é ostracizada na Polônia por não conseguir provar que seu marido havia morrido na Guerra”, e essa foi uma das razões de sua decisão de vir para o Brasil, conta o autor.


O tempo histórico retratado – a década de 1930 – inclui a revolução que levou Getúlio Vargas ao poder, a Revolução Constitucionalista e a tentativa do levante comunista no Brasil planejado pela União Soviética. Nesse contexto, figuras públicas, como Olga Benário e Luis Carlos Prestes, passam pela obra.


Para adquirir o livro pela internet acesse aqui


Roberto Elisabetsky nasceu em São Paulo, em 1953. Deixou para trás a carreira de engenheiro para estudar cinema na Inglaterra. Trabalhou com produção cinematográfica em Nova York, onde concluiu o mestrado em Artes da Comunicação no NY Institute of Technology. Foi professor do curso de Rádio e TV da ECA-USP. É dramaturgo, roteirista, tradutor e versionista para cinema, TV e teatro musical. Como escritor, publicou o romance Take 2 pela Editora Paulicéia e, pela Terceiro Nome, a coletânea de contos A última coisa e o romance Cadafalso. Integra o Clube das Três, grupo dedicado à análise e produção literária e à promoção de encontros com autores, editores e críticos de literatura.

51 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
banner-2021.png

Seja um Patrono Kadimah

Apoie a Revista Kadimah e fortaleça mais ainda a publicação