Buscar
  • Kadimah

Histórico: O hino israelense foi ouvido em Abu Dhabi com o campeão mundial de jiu-jitsu de Israel

Alon Leviev conquistou o primeiro lugar no pódio e recebeu a medalha de ouro na competição nos Emirados Árabes Unidos. O país revogou sua proibição de símbolos israelenses no ano passado.


O "Hatikva", o hino nacional de Israel, foi realizado em Abu Dhabi, depois que Alon Leviev, de 17 anos, obteve ouro na categoria júnior do Campeonato Mundial de Jiu-jitsu.


Leviev, que compete na categoria de 55 kg ou menos, venceu um atleta de Abu Dhabi na final, derrotando concorrentes do Paquistão, Cazaquistão e Tajiquistão.


Após a entrega das medalhas, o anfitrião do torneio anunciou, disse em inglês: «Parabéns. Agora vamos ouvir o hino nacional de Israel ”, tocando logo em seguida a melodia de “Hatikva”.


No ano passado, os Emirados Árabes Unidos revogaram sua política de proibir atletas do estado judeu de usar símbolos israelenses como a bandeira e o hino em torneios.


Isso levou o hino nacional de Israel a ser tocado publicamente em um Estado do Golfo pela primeira vez, quando a judoca israelense Sagi Muki venceu o Grand Slam de Abu Dhabi em outubro passado.


A medida foi tomada depois que a Federação de Judô retirou os Emirados Árabes Unidos e a Tunísia do direito de organizar dois torneios internacionais porque não garantiram tratamento igual aos atletas israelenses, que não podiam competir sob a bandeira de sua nação ou tocar o hino nacional, se eles vencessem.


___

Fonte: AJN

81 visualizações0 comentário
banner-2021.png

Seja um Patrono Kadimah

Apoie a Revista Kadimah e fortaleça mais ainda a publicação