Buscar
  • Kadimah

Guga Chacra e as complexidades do Oriente Médio

Guga Chacra, comentarista da GloboNews, TV Globo, Rádio CBN e colunista do jornal O Globo trouxe todo seu expertise sobre "O  Oriente Médio e suas complexidades" em um encontro on-line com  o rabino Michel Schlesinger, da Congregação Israelita Paulista (CIP), na terça-feira, 23 de junho.




Com quase 270 mil seguidores no Instagram, Guga Chacra, que é Mestre em Relações Internacionais pela Columbia University, e tem origem libanesa,   deu detalhes de  como a pandemia afetou seu trabalho, e de sua  relação pessoal com o Oriente Médio, em especial com o Líbano.

Guga abordou as relações entre os sírios e os libaneses com os palestinos e israelenses, e de como é a convivência entre cristãos, judeus, armênios e muçulmanos na região.

"A Cidade Velha de Jerusalém é um perfeito exemplo dessa convivência", frisou.

Outro tema que dominou o encontro foi o frágil equilíbrio entre israelenses e o Hezbollah, e de  como esse conflito é reflexo do  contexto externo.

"Israel e o Hezbollah têm um conflito regido por uma espécie de regras de um jogo no qual os dois lados evitam atritos que possam levar a uma escalada militar na fronteira entre os territórios libaneses e israelenses.

Os dois lados sabem que os danos seriam gigantescos em caso de uma guerra, porém, o cenário no Oriente Médio é fluído e esta equação pode mudar a qualquer instante", ponderou.

Ao final da live, que teve tradução em libras e grande participação do público pelo chat, o comentarista falou sobre suas expectativas sobre a anexação dos territórios da Cisjordânia proposta por Netanyahu e em relação a um acordo de paz na região.

"Por mais que Bibi tenha interesses estratégicos, acho que a anexação dos territórios seria péssima no atual contexto, pois ele estará aberto a críticas dos países europeus e do partido democrata americano.

Não vejo o que ele ganhará com isso além de agradar a sua base. 

Acho que a paz é do interesse de Israel e dos palestinos, mas acredito que isso só vai acontecer quando tivermos uma liderança mediadora nos Estados Unidos e uma nova geração na política dos dois lados", concluiu Chacra.

Para o rabino Michel Schlesinger, "compreender a complexidade do Oriente Médio é o primeiro passo na direção da construção de uma paz duradoura".

O evento Dilemas Éticos é uma realização da Congregação Israelita Paulista (CIP) e conta com o patrocínio de: Itaú-Unibanco,  CSN, Bemol, GR Segurança, Focus Energia, Helbor e Rosset e apoio da Unibes Cultural e Lei Federal de Incentivo à Cultura.

Confira o debate em: https://cip.org.br/aovivo/



60 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
banner-2021.png

Seja um Patrono Kadimah

Apoie a Revista Kadimah e fortaleça mais ainda a publicação