Buscar
  • Kadimah

Fenomenal e estimulante: Líderes iraquianos exigem paz com Israel

Líderes sunitas e xiitas proeminentes no país pediram hoje abertamente a paz com Israel. Em uma conferência realizada esta noite em Irbil, capital do Curdistão iraquiano, ex-generais do exército iraquiano também pediram que o Iraque aderisse aos Acordos Abraâmicos, assinados há cerca de um ano entre Israel e os Emirados Árabes Unidos e Bahrein. Lapid (Ministro do Exterior de Israel) saudou a medida: "Isso inspira esperança"



Um evento sem precedentes no Iraque: Líderes sunitas e xiitas proeminentes hoje (sexta-feira) pediram abertamente a paz com Israel.

Em uma conferência realizada esta noite em Irbil, capital do Curdistão iraquiano, os líderes, incluindo o líder da maior federação tribal do Oriente Médio - a Tribo Shemer - e ex-generais do exército iraquiano, exigiram que o Iraque aderisse aos "Acordos de Abraham" - acordos de paz assinados pelos Emirados Árabes Unidos e Bahrein com Israel.


A conferência, que foi transmitida ao vivo em várias redes sociais, recebeu, entre outros, Hemi Peres, filho do falecido presidente e primeiro-ministro Shimon Peres, que falou em hebraico sobre a necessidade de relações de paz.

Ele ressaltou a contribuição de Judeus para a criação e para o desenvolvimento do Iraque bem como a imensa contribuição à cultura do país - e a necessidade de manter laços com os imigrantes Iraquianos como cidadãos israelenses.


A segurança da conferência foi feita pelas forças de segurança Curdas e foi saudada pelos Emirados Árabes Unidos. Alguns dos palestrantes ligaram o pedido de paz com Israel à demanda pelo estabelecimento de um governo federal no Iraque.


O ministro das Relações Exteriores, Yair Lapid, saudou a iniciativa: "Desde o dia em que este governo assumiu o cargo, nossa meta é expandir os Acordos Abraâmicos.

O evento no Iraque inspira esperança em lugares que nunca pensamos antes." Lapid acrescentou que Israel e Iraque têm "uma história e raízes comuns na comunidade judaica" e disse:

"Onde quer que nos estendam a mão, tudo faremos para estender nossa mão em retorno".

Fonte Traduzido do site N12 por Marcos L Suskind

64 visualizações0 comentário
banner-2021.png

Seja um Patrono Kadimah

Apoie a Revista Kadimah e fortaleça mais ainda a publicação