Buscar
  • Kadimah

Em busca de ajuda para restaurar o rolo da Torá que sobreviveu ao Holocausto

Quando Asher e Sandy Berlinger fizeram aliyá em 2007, eles trouxeram o pergaminho de 190 anos que foi transmitido na família de geração em geração.

Por Yori Yalon


Um rolo da Torá de 190 anos que encontrou seu lar em Israel em 2017 está precisando de restauração.

Foi trazido para o estado judeu por Asher e Sandy Berlinger, que fizeram aliá para Israel com a ajuda de Nefesh B'Nefesh.

O casal, ambos na casa dos 80 anos, mudou-se para Jerusalém de Paramus, New Jersey.


O rolo da Torá foi escrito em 1833 e foi transmitido de geração em geração na família de Asher, que é descendente de uma família rabínica alemã.

Berlinger herdou o item de seu avô, Naphtali Berlinger, que era rabino da comunidade judaica de Bodenhausen durante o período nazista.


Quando Asher tinha três anos, sua família fugiu para os Estados Unidos.

Seu pai, Menachem Berlinger, foi preso na Kristallnacht e enviado para a prisão, mas, felizmente, foi libertado porque ele e o resto da família tinham vistos.

A família se estabeleceu em Nova York, e a Torá foi usada em uma sinagoga no Brooklyn.

O avô, Naphtali, decidiu ficar para trás para apoiar seus fiéis.

Em uma carta que enviou a seus entes queridos, ele escreveu: "Não se preocupe comigo. Deus está comigo." Ele morreu no gueto de Theresienstadt.


O rolo da Torá está atualmente localizado na casa em Jerusalém.

Quase 200 anos de desafios e dificuldades não o deixaram ileso: parte dele foi rasgado e parte da escrita desbotada, tornando-o inelegível para uso no culto religioso.


“Se a Torá puder ser restaurada, eu o farei, para que ela seja usada em uma sinagoga novamente”, disse Berlinger a Israel Hayom .

"Eu o abro de vez em quando com minha família e também celebramos com ele no Simchat Torá.

Fico feliz em usar o pergaminho para festividades, depois de tudo que aconteceu ao longo dos anos."


O fundador e CEO da Nefesh B'Nefesh Rabino Yehoshua Fass disse: "Todos os anos nos deparamos com novos testemunhos de sobreviventes do Holocausto e ficamos maravilhados ao descobrir mais histórias de heroísmo, neste caso através de um objeto valioso que ilustra a vitória do povo judeu e próspero futuro."

Fonte Israelhayom

247 visualizações0 comentário
banner-2021.png

Seja um Patrono Kadimah

Apoie a Revista Kadimah e fortaleça mais ainda a publicação