Buscar
  • Kadimah

Diplomata português que resgatou 10.000 judeus homenageado com monumento de Lisboa

Aristides de Sousa Mendes emitiu vistos para judeus franceses entrar em Portugal durante o Holocausto; ele será lembrado com uma estátua no local,como reconhecimento entre as maiores figuras do país

Por CNAAN LIPHSHIZ




Aristides de Sousa Mendes, diplomata português que salvou milhares de judeus durante o Holocausto, será reconhecido com um monumento em um local em Lisboa que reconhece as maiores figuras do país. O parlamento decretou a honra por unanimidade no início deste mês na Assembléia Nacional na capital de Portugal.

O monumento estará no Panteão Nacional, uma antiga igreja. "Aristides Sousa Mendes, como uma figura histórica heroica, faz parte do patrimônio nacional de Portugal", diz a resolução.

“Um legado moral para todos, sua herança é para toda a sociedade civil e, acima de tudo, um exemplo virtuoso para as gerações futuras.” Em 1940, Mendes atuou como cônsul em Bordeaux, França, onde deu vistos a refugiados que fugiam do avanço nazista.

Estima-se que ele tenha salvo 30.000 pessoas, incluindo 10.000 judeus. Após suas ações em Bordeaux, cidade localizada a apenas 160 quilômetros ao norte da fronteira da França com a Espanha e a Península Ibérica, Mendes foi suspenso e demitido do serviço diplomático de Portugal, então uma ditadura sob o comando de Antonio de Oliveira Salazar.

No entanto, Mendes foi reivindicado postumamente e reconhecido como um Justo Entre as Nações - um título conferido em nome do Estado de Israel pelo museu do Holocausto Yad Vashem em Jerusalém a não-judeus que arriscaram suas vidas para salvar judeus durante o Holocausto. Mendes, que morreu em 1954, foi o primeiro diplomata a receber o título, postumamente em 1966. Ele recebeu várias honras em seu país natal, Portugal, inclusive pela companhia aérea nacional TAP, que em 2014 nomeou um avião para ele.

104 visualizações0 comentário
banner-2021.png

Seja um Patrono Kadimah

Apoie a Revista Kadimah e fortaleça mais ainda a publicação